terça-feira, 13 de abril de 2010

Fui ao CCB

Joana Vasconcelos no Museu Colecção Berardo/CCB 



Das  varandas, o ferro forjado
num garrafão de 5 metros
no Jardim das Oliveiras
este é o...
'Senhor Vinho'

Linhas enlaçadas e pontos certos
Dos enxovais das jovens noivas
Das janelas engalanadas
Das procissões e das tradições
Esta é a...
'Donzela'



De branco e quem sabe menstruada...
14 mil tampões 'ob' compõem este lustre de 4,7m

'A Noiva'


Já não é de Cristal
voltou às origens...
aos tachos e panelas
esta é a...
'Cinderela'




Vermelho dos afectos
amarelo do ouro
preto do fado
milhares de talheres de plástico...
este é o...
 'Coração Independente'

*****

'SEM REDE'
exposição temporária de Joana Vasconcelos

Vale a pena ver!


com carinho
MZ


12 comentários:

Brown Eyes disse...

Isto é arte. Utilizando materiais banais fazem-se peças lindissimas.
Beijinhos

papoila disse...

Olá MZ,
Está muito boa a tua reportagem.
Está na minha agenda essa visita e aproveito para te aconselhar outra exposição que está em Lisboa na Gulbenkian e é sobre Pintura de Naturezas Mortas, é uma exposição muito especial pois reúne os melhores pintores de todo o Mundo.....muito dificilmente teremos acesso a eles uma outra vez!
bjs

johnny disse...

Por acaso eu fui e pensei que não fosse gostar, devido ao preconceito - ajudado também pela publicidade que incidiu sobre determinadas obras - da arte/tampões/feminismo, mas acabei por gostar, principalmente daquela cena dos corações (os corações de Viana ou lá como se chamam). Para além desta exposição, quando eu lá fui também estavam outras peças muito giras, como aquela da Burka, do labirinto, etc... viste essas?

Helga disse...

Absolutamente Genial! Não conheço pessoalmente, mas pelo que tenho visto em fotos, entre as quais as tuas, e na televisão, é uma exposição de uma criatividade impressionante. Muito bom!

Beijinho :)

MZ disse...

Brown Eyes,
ela é muito original... devias de ver um mecanismo que ela inventou com alguns pares de collants coloridos que foram um fracasso de vendas!

MZ disse...

Olá Papoila,
tens mesmo que ir ver!
Já viste essa na Gulbenkian?

MZ disse...

johnny
Claro que vi a Burka, e não é que ela cai sempre da mesma forma, esparramada no chão!
Mas os corações são de uma beleza fantástica!

MZ disse...

Helga, não percas esta exposição se puderes!

:)

Pedrasnuas disse...

EU SOUBE PELA TV ...VIVO DESTE LADO DO OCEANO...MAS REGOZIJO-ME EM VER AS FOTOS QUE TU TÃO BEM SOUBESTE CAPTAR...ISTO DEMONSTRA A CAPACIDADE ILIMITADA QUE O HOMEM TEM PARA CRIAR ...BASTA TER IMAGINAÇÃO E ...APOIOS...

GOSTEI MUITO

Lilá(s) disse...

Também já tive o prazer de visistar e adorei, aliás já conhecia alguns trabalhos dela.
Bjs

Olga disse...

Muito interessante.

Sara disse...

Muito interessante este teu relato. Estás uma autêntica repórter :) Deu-me uma grande vontade de também ir ver. Bjs