segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Que frio!!!



Sempre que os dias se aproximam do Natal, chega o frio a sério...
Na aldeia, as hortas quase adormecem no meio da erva que se deita a par das couves-galegas e das nabiças que num instante rebentam de grelos para a consoada.
Em rectângulos definidos, a terra aos montinhos cobrem os alhos que no Natal já têm de ter bico de pardal!
Mantos de geada acordam cada manhã...
Os dias molham-se com bátegas de chuva grossa ou miudinha suficientemente espaçada para que o vento lhe possa assobiar...
Gosto do vento,
gosto da chuva,
gosto dos dias de sol envergonhado...

Gosto deste romper de Inverno!



(Imagem:Google )

Com carinho
MZ

4 comentários:

Beta disse...

Enquanto por aqui é um soper verão, um bafão absurdo e um calor quase insuportável...
Prefiro o frio.
Bj

papoila disse...

As coisas que tu sabes!
Já aprendi com este post...não fazia ideia desses segredos da natureza.
Está frio, está! E eu gosto muito!
beijinhos

MZ disse...

Beta,
aqui está um gelo... brrrrrrr, tudo no seu tempo é bom!

Bj


Papoila,
foram muitos anos na aldeia a ver e ouvir...

(bico de pardal- representam os dentes dos alhos que foram semeados e que estão a furar a terra)

Ainda gosto mais do frio, sabendo que depois vem a Primavera!

beijinhos

Sara disse...

Apesar de não gostar dos extremos: Demasiado calor e frio também reconheço que cada estação tem o seu encanto e o Inverno não é excepção. Bjs