terça-feira, 5 de dezembro de 2017

Teias de tricot

 Texto e fotografia,Mz



Sentada e à espera, cruzava as longas pernas pensando numa estratégia hábil que a beneficiasse ao máximo. Pensou escrever um anúncio no jornal da biodiversidade. Sabia tecer teias e sabia caçar como ninguém, por isso, escrever não iria ser difícil. Escondida, fixava o horizonte com os seus oito olhos à espera que alguma ideia surgisse. Pareceu-lhe óptimo um anúncio de trabalho; uma armadilha de Dezembro, como a melhor prenda de final de ano. O natal dos bichos numa história para crianças e para adultos sonhadores, resulta sempre! Então, iria ser assim - um anúncio para moscas e mosquitos e, até mesmo, para algumas espécies iguais a si. 
No engodo para que caíssem na teia para sempre, inventou a empresa - Aranha e Companhia - uma banca ao ar livre a recrutar funcionários com entrada imediata.



11 comentários:

Pedro Coimbra disse...

As fotos estão excepcionais!

✿ chica disse...

Lindas e criativas palavras e gostei do nome da companhia,rs... Valeu! E as fotos maravilhosas! bjs, chica

Gil António disse...

Bom dia. Li uma vez num livro que não me recordo o nome que o tricot havia nascido da inteligência de alguém ao olhar com olhos de ver uma teia de aranha. Não sei se é verdade mas que as semelhanças são imensas, penso ser uma realidade
.
Deixando cumprimentos
.

Laura Ferreira disse...

lindo!

Ricardo Santos disse...

Muito Boas fotos e excelente texto !!!

Gil António disse...

Bom dia. Passando para me deliciar com as suas publicações. Desejando um dia feliz
.
Tema de hoje

Manhã, nascer do sol, solfeja a cigarra no arvoredo
.
Deixo cumprimentos poéticos.
.

Beatriz disse...

A natureza é mesmo incrível, e essas mandalas naturais uma dádiva capturada perfeitamente por suas lentes!

Bia
www.biaviagemambiental.blogspot.com

Maria Silva disse...

Adoro as suas imagens!
Belíssimas!... e a que as palavras emprestam aquela cota-parte de sonho que convida ao encanto de admirar a natureza em permanência!
Obrigada, mz!

Elisabete disse...

Um tricot natural, pefeitinho.
Parabéns pelas fotos.
Bjs

mz disse...

Para todos vocês deixo um grande abraço virtual!
Obrigada por me lerem e deixarem os vossos comentários tão elogiosos. São muito generosos.
Obrigada!

Beijinhos,
mz

AFRODITE disse...

Nunca gostei de aranhas... mas reconheço que elas fazem trabalhos notáveis, tal como as tuas fotos!
Notáveis!

Beijinhos crochetados
(^^)