sexta-feira, 30 de outubro de 2015

Nos intervalos, uma fotografia - Turismo Negro




De uma riquíssima arquitectura, os cemitérios portugueses consideram-se já como os mais ricos em arte romântica do século XIX. Tornam-se lugares peculiares para a reflexão e para além do culto, no respeito pela inteligência sensível que vai muito além do turismo convencional,
por vezes, declama-se poesia ao som de um par de violinos. 

Incluiu-se na vertente do Turismo "Negro" e é  muito procurado pelos turistas estrangeiros.





fotografia da minha autoria,
Mz



5 comentários:

A Casa Madeira disse...

No interior de RS tem cemitérios que são verdadeiras pequenas cidades;
Um belo dia cheguei em uma pequena cidade para pedir uma informação...
e disse para um moço que
as casas eram lindas... então ele me disse que era um cemitério
e ele o coveiro; começei a rir de vergonha kkk pois já estava a passear entre
as casas... kkk.
Bom final de semana.
Janicce.

✿ chica disse...

Vela escultura! bjs, chica e lindo fds!

Miss Smile disse...

Quando visito uma cidade europeia, gosto de visitar o respetivo cemitério - exatamente pelas razões que descreve e pela foto ilustrativa.

Um beijinho, mz, e bom fim de semana

La Joie de Vivre! disse...

mais uma fotografia lindíssima, como habitual :D

UIFPW08 disse...

Linda foto
Morris